Velhos Supérfluos

Andreas Urban

*
  • €14.40
  • Poupe €1.60

Velhos Supérfluos reúne dois ensaios publicados na revista de teoria crítica EXIT!: «Velhice (Envelhecimento) e Dissociação-Valor» (2018) e «A Superfluidade como Instituição Total» (2020). Partindo da crítica do valor e da dissociação-valor de Robert Kurz e Roswitha Scholz, Andreas Urban analisa como a sociedade capitalista é estruturalmente hostil à velhice e as pessoas idosas são vistas como supérfluas por não serem produtoras de valor. Escalpelizando problemáticas como a «activação» dos mais velhos mediante programas e discursos de active aging e anti-aging que negam essa fase avançada da vida, ou o lar de idosos como instituição de custódia para indesejados, na esteira de outras como as casas de trabalho e de correcção, o autor expõe o modo como o capitalismo tende a excluir todos os seres humanos que se revelarem incapazes de participar activamente na economia de mercado da sociedade do trabalho.

  • TÍTULO ORIGINAL Einführung in die Wert- und Wert-Abspaltungs-Kritik / Alter(n) und Wert-Abspaltung: Grundrisse einer kritischen Theorie des Alters und Alterns in der warenproduzierenden Gesellschaft / Überflüssigkeit als totale Institution: Zu Geschichte, Logik und Funktion des Altenheims
  • TRADUÇÃO Boaventura Antunes
  • CONCEPÇÃO GRÁFICA Rui Silva
  • 1.ª EDIÇÃO Maio 2024
  • PÁGINAS 200
  • FORMATO 13,5 x 21 cm
  • ISBN 978-972-608-448-8

imprensa



*O preço final inclui 10% de desconto da editora (válido até 31/12/2024)
NÃO APLICÁVEL NOUTRAS CAMPANHAS EM CURSO

Também recomendamos