Stefan Zweig

Exímio novelista, tradutor e poeta, Stefan Zweig (1881-1942) nasceu em Viena, de onde foi «obrigado a fugir como um criminoso, antes de ela ter sido rebaixada à condição de província alemã». Grande humanista, legou-nos nos seus contos finos retratos psicológicos e uma inimitável capacidade de descrição. Desesperado com a ascensão do nazismo,
refugiou-se na Inglaterra e nos Estados Unidos. Deambulou infatigavelmente por um mundo onde perdera o seu lugar e a sua utopia, fixando-se por fim no Brasil, onde se suicidaria.