Panegírico

Guy Debord

  • €9.50

A existir neste século um escritor a quem Debord porventura aceitaria ser comparado esse escritor é Karl Kraus. Ninguém melhor do que ele na sua encarniçada luta contra os jornalistas soube esclarecer as leis escondidas do espectáculo «os factos que produzem as notícias e as notícias que são culpadas pelos factos». Panegírico não sendo uma autobiografia — que Debord nunca escreveria — é no entanto um texto de carácter autobiográfico em que o autor resolve narrar apenas aquilo que amou surgindo por contraste tudo a quanto se opôs.

 

  • tradução Júlio Henriques
  • páginas 80
  • 1.ª edição 1995
  • isbn 972-608-076-2